Polícia faz buscas por homens que fugiram após explodir muralha de presídio em Palmas

Edson Fonseca
Há 1 mês
20

 A  polícia segue as buscas pelos criminosos que fugiram da Casa de Prisão Provisória de Palmas, na noite deste domingo (5). Segundo a Polícia Militar, 14 foram recapturados e oito estão foragidos. Nesta manhã, o helicóptero da Secretaria de Segurança Pública sobrevoa uma área verde perto da unidade.

A suspeita é que os criminosos escavaram um buraco até chegar no pátio da unidade. Depois, usaram dinamite para explodir uma das muralhas da CPP.

A PM informou que o policiamento nas ruas e nas entradas da cidade foi reforçado. Segundo a corporação, alguns militares se voluntariaram para apoiar nas buscas.

A orientação é que a população evite a região e quem mora nas chácaras próximas que fique dentro de casa.

Superlotação e problemas administrativos

A Casa de Prisão Provisória de Palmas é um dos maiores presídios do Tocantins. Ela tem capacidade para 280 presos e atualmente tem mais de 700 detentos. Em junho, o presídio sofreu uma intervenção parcial em função da superlotação.

Recentemente, o comando da Secretaria de Cidadania e Justiça foi trocado no Tocantins. Ao G1, a antiga responsável pela pasta, Gleidy Braga, afirmou que estava saindo porque discordava do governo a respeito do cumprimento de algumas medidas judiciais relacionadas com a administração da própria CPP e a contratação de funcionários temporários em algumas unidades. O governo do estado anunciou que a pasta ficaria sob o comando do coronel Glauber de Oliveira Santos, que chefiava a Polícia Militar.

Quer saber mais notícias do estado? 

Share on Facebook0Tweet about this on TwitterShare on Google+0
Fonte: G1 Tocantins
Tags:, , ,

Veja Também:

“Os comentários aqui postados são de inteira responsabilidade de seus autores, não havendo nenhum vínculo de opinião com a Redação ou equipe do Aliança News”.

Deixe seu comentário

Comente no Facebook

Entretenimento