Concurso da PM deve sair este ano e governador diz que não faltará Orçamento para nomeações

Edson Fonseca
Há 2 meses
66

Foto: Frederick Borges/Governo do Tocantins

O governador Marcelo Miranda (PMDB) e o comandante-geral da Polícia Militar (PM), Glauber de Oliveira Santos, confirmaram na solenidade desta terça-feira, 3, a intenção de realizar o concurso de mil vagas para soldado ainda este ano. O certame foi anunciado em abril do ano passado, mas desde então nenhuma programação para sua realização foi anunciada. O evento realizado na ala sul do Palácio Araguaia foi para a entrega de 29 viaturas, além de equipamentos como cintos táticos e capas de chuva.

Antes da solenidade, Glauber de Oliveira foi quem confirmou à imprensa a intenção do Estado de realizar o certame antes do final de dezembro. “Estimamos que ainda neste ano façamos as provas”, disse. A abertura das propostas – segunda parte do processo licitatório acontece nesta quarta-feira, 4, revelou o comandante-geral, que prevê alto número de participantes. “É uma mega licitação. A gente está prevendo mais de 100 mil candidatos para as mil vagas de soldado e 40 de CFO [Curso de Formação de Oficiais]. Há uma mobilização nacional”, garantiu.

Posteriormente, o governador Marcelo Miranda confirmou a intenção. “Estamos trabalhando para que até o final do ano o concurso da Polícia Militar seja concretizado”, esclareceu. Questionado sobre o peso de nomeações na folha de pagamento do Tocantins, o peemedebista garantiu que o impacto foi programado. “Estamos conscientes que não faltará orçamento para isso. Isto está dentro da programação”, afirmou.

Marcelo Miranda também falou sobre o desenquadramento do Estado, que está fora do limite prudencial estabelecido pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). O governador falou que o Executivo deve adotar alguma atitudes para reverter o quadro, sem adiantar qual. “Nós sabemos que estamos acima da LRF e teremos que tomar algumas decisões, que serão tomadas com tranquilidade, de forma serena, sabendo que o amanhã vai dizer das atitudes que estamos tomando dentro das normas legais”, disse.

Investimento
Na ocasião foram entregues 29 viaturas, sendo 11 da marca Fiat, modelo Pálio Weekend Adventure, e 18 Volkswagen , modelo Gol; todos equipados com giroflex, sirene e rádio comunicador. As viaturas modelo pálio contam ainda com cubículo (cela) para a condução de pessoas em atitudes de desconformidade com a lei e exigência dos direitos humanos, conforme garantiu Glauber de Oliveira.

Dos 20 veículos entregues pelo governador à Polícia Militar, 10 veículos foram destinados a Palmas. O restante foi distribuído para Araguaína, contemplada com quatro veículos; Gurupi, outros quatro; Porto Nacional, três; Pedro Afonso, dois; Guaraí, também dois; e para as regionais de Arraias, Dianópolis, Colinas e Tocantinópolis, que ficaram com uma viatura para cada.

A corporação também recebeu 2.650 cintos táticos operacionais e mil capas de chuva, equipamentos orçados em R$ 1,2 milhão, recursos oriundos do Governo do Estado.

Share on Facebook0Tweet about this on TwitterShare on Google+0
Tags:, ,

Veja Também:

“Os comentários aqui postados são de inteira responsabilidade de seus autores, não havendo nenhum vínculo de opinião com a Redação ou equipe do Aliança News”.

Deixe seu comentário

Comente no Facebook

Entretenimento